quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Amigo

Amigo que nestes versos pesados,
fixa o olhar e pondera o sentido,
consegue ouvir o seu choro calado?
Entender meu coração ressentido?

Amiga que nestas linhas passeia,
como quem anda por belo jardim,
será que vê o que minha'alma anseia?
Aquilo que foi roubado de mim?

Amigo que nestas estrofes tão cruas,
com mil defeitos, desfruta agradado,
espero que também tu não te iludas,
de que as escrevo com rosto aplacado.

Amiga que nesta poesia singela,
reflete com mui cuidado e atenção,
pode saber o que digo por ela?
Aquilo que "escondo" nesta canção?

Breno Sarranheira.

Blog: http://dizendoamente.blogspot.pt/
Canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCgxeH_WQ9OGcoQ4IaAMI3eg

Imagem: theguardian.com



Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...