sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Desistir

Desisti de continuar a tentar,
agradar quem não me agrada também.
De com palavras mansas embalar,
o coração de quem não me quer bem.

Desisti pois, de tentar compreender,
como interpretam aquilo que digo.
De entender se o que lhes passo a dizer,
me faz ou não parecer um amigo.

Desisti de pros outros disfarçar,
esta minha constante frustração.
De encontrar quem valha o risco de amar,
pra quem eu pudesse dar meu coração.

Breno Sarranheira.

Imagem: forum.tkaraoke.com



Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...