terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Dor de poeta

Sofria eu dum padecimento,
que já não podia mais suportar,
fui então obter tratamento,
e chegando lá passei a relatar:

"Doutor ajude-me por favor,
estou em grande sofrimento,
pois sinto no peito esta dor,
dor esta que não compreendo".

"Acalme-se caro paciente,
e diga-me o que acontece,
quando esta dor você sente,
e por fim ela o enfraquece".

"De emoção minha alma se agita,
traumas passo a reviver,
meu coração então palpita,
e começo a escrever.

Em versos a dor converto,
pra acalmar minha inquietação,
pro papel a tristeza verto,
em forma de composição".

"Já sei o que causa tua dor,
o motivo de teu gemido,
é mágoa de um grande amor,
que ainda não foi esquecido".

"O que faço então doutor,
haverá medicação,
que me tire só a dor,
mas me deixe a inspiração?".




Imagem: foxnews.com/health/2013/01/22/best-time-to-schedule-doctors-appointment/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...